O Rio Tâmega em Amarante, na localidade de Fridão recebeu este fim de semana a XXIII edição do Internacional de Slalom, numa organização da Federação Portuguesa de Canoagem e do Águas Bravas Clubes com o apoio do município local.

A prova foi disputada em duas mangas em escalão absoluto e nas categorias de K1 e C1 Masculino e Feminino.
Com perto de uma centena de atletas a alinharem para esta primeira competição da época 2017 o destaque foi para José Carvalho(ADA), finalista Olímpico no Ripo 2016 e que se apresentou nesta prova ligeiramente doente, situação que não afetou a sua prestação ao venceu em C1 masculino na final que decorre esta tarde.
José Carvalho completou as 18 portas do percurso de 300 metros em 01m37s34mm e com um toque que lhe penalizou em dois segundos, tendo mesmo assim terminado a 6.18 segundos do segundo classificado, o espanhol Brais Pereira do Teixugos. Na terceira posição terminou Marcos Pereira do Penedo.

Em K1 masculino alguma surpresa com Ivan Silva(ABC) a deixar fugir o lugar mais alto do pódio para Frederico Alvarega do Aventura Marão embora por apenas 1.99 segundos, resultado de dois toques que penalizaram o atleta da equipa Nacional em 4 segundos. Frederico Alvarega realizou a final com o tempo de 01m34s95mm, e sem qualquer penalização. Na terceira posição terminou Rodrigo Magalhães, do Águas Bravas clube, a apenas 0.01 segundos de Ivan Silva.

 

No Feminino, liderança dos clubes espanhóis, com Ainhoa Rodriguez do Penedo a vencer em K1 com o tempo de 01:55.79, somado de 8 segundos de penalizações, tendo terminado com um total de 123,79 pontos, menos 0.49 que Lorena Rama do Aventura Marão Clube. Na terceira posição ficou Sara Bugarin do Clube TEA a 1,54 segundos do primeiro lugar.

Nas canoas femininas, que em Tóquio 2020 estarão presentes pela primeira vez, a vencedora foi também Ainhoa Rodriguez do Penedo, que fez assim a dobradinha nas duas categorias. A atleta espanhol terminou a manga de final com um total de 119,68 pontos, seguida de Rafaela Araújo do Darque com 303,48 pontos. Na última posição do pódio terminou Valéria Araújo, também do Darque com um total de 384,28 pontos.

Resultados da competição disponíveis em fpcanoagem.pt