É a hora do tudo ou nada. O trabalho não pára. O Campeonato do Mundo de Velocidade e Paracanoagem aproxima-se vertiginosamente. Faltam apenas 15 dias.

Toda a estrutura está organizada e concentrada na prova, de modo a conseguir alcançar o estatuto que Vítor Félix, presidente da Federação Portuguesa de Canoagem, tanto ambiciona e que passa por fazer com que o “Mundial português” seja «um dos melhores de sempre».

Entre os dias 22 e 26 deste mês, Montemor-o-Velho ganha o estatuto de capital mundial da canoagem. Um feito que todos querem aproveitar para promover o concelho, a região, o país e, claro está, a canoagem portuguesa. Em termos de números, estamos a falar de cinco dias de competição, 80 países, 1.500 participantes, 30 campeões do Mundo e 12 paracampeões.

Os bilhetes para assistir à competição já estão à venda, podendo ser adquiridos, nesta fase, na Ticketline. Durante o Mundial, os ingressos podem ser comprados à entrada do Centro de Alto Rendimento de Montemor-o-Velho. Com entrada gratuita, a cerimónia de abertura decorre no dia 21 de Agosto, a partir das 20h00, no Castelo de Montemor-o-Velho.

Para que o Campeonato do Mundo de Velocidade de Canoagem e Paracanoagem 2018 possa ser, de facto, «um dos melhores de sempre», a selecção nacional precisa de todo o apoio. Como tal, a Federação Portuguesa de Canoagem apela à presença de público, com o objectivo de garantir o apoio à equipa portuguesa e, em simultâneo, contar com “casa cheia”. Estamos à vossa espera…