José Carvalho não conseguiu, no sábado, o apuramento para a final da prova de C1 na Taça do Mundo de Slalom IV, que se realiza, até domingo, na Alemanha. O atleta da Seleção Nacional alcançou o 19.º lugar, com o registo de 100.24 segundos.

O canoísta de Amarante terminou a 6.09 segundos do vencedor da semifinal, que apurava 10 canoístas, o eslovaco Alexander Slafkovsky. Contudo, José Carvalho ficou apenas a 2.18 segundos da final, uma vez que o 10.º classificado, o eslovaco Matej Benus, contabilizou o registo de 98.06 segundos.

A exemplo da semifinal, a final também foi ganha por Alexander Slafkovsky, com o tempo de 92.54 segundos. Na 2.ª posição terminou o esloveno Luka Bozic, com o registo de 94.33 segundos, enquanto o alemão Franz Anton assegurou o 3.º lugar, com a marca de 94.43 segundos.

Com 30 canoístas, onde também está Antoine Launay, atleta da Seleção Nacional de Slalom, a semifinal da prova de K1 está marcada para as 09h05 (hora portuguesa) de domingo. Caso consiga um dos 10 melhores tempos, Antoine Launay participará, às 11h40, na final da Taça do Mundo de Slalom de Markkleeberg.

Além de José Carvalho e Antoine Launay, a Seleção Nacional esteve representada, na Alemanha, por Ivan Silva e Frederico Alvarenga, ambos em K1, que não passaram as mangas eliminatórias. O apuramento para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 vai ser definido, entre 24 e 29 de setembro, no Campeonato do Mundo de Slalom, na pista de La Seu d’Urgell, em Espanha.