Mirandela e Montalegre vão acolher, em 2021, provas do Calendário Nacional da Federação Portuguesa de Canoagem, assumindo-se como mais dois parceiros fundamentais na estratégia definida de divulgar e levar a prática da modalidade a todo o território nacional.

Nos dias 22 e 23 de maio, o Campeonato Nacional de Fundo vai ter lugar em Mirandela, com a organização a estar a cargo da Federação Portuguesa de Canoagem em parceria com a Câmara Municipal de Mirandela e o Clube Fluvial de Mirandela.

A Taça de Portugal de Maratona e o Troféu Nacional de Esperanças são as duas competições que Montalegre vai receber no dia 21 de agosto. A Câmara Municipal de Montalegre investe na organização da prova e assume-se como parceira da Federação Portuguesa de Canoagem.

A versão atualizada do Calendário Nacional para 2021, já com os locais de realização das provas, foi divulgado, esta terça-feira, pela Federação Portuguesa de Canoagem e também inclui o Campeonato Nacional de Maratona, agendado para os dias 12 e 13 de junho, na Vila de Prado.

A primeira competição de 2021 vai ter lugar no Centro de Alto Rendimento (CAR) de Montemor-o-Velho, que vai receber a Taça de Portugal de Regatas em Linha (seletiva nacional) nos dias 24 e 25 de abril. Também no dia 25 deste mês, o CAR é palco do Campeonato Nacional Universitário. No dia 23 de abril, no mesmo local, vai decorrer a seletiva interna para o apuramento olímpico.

Inicialmente agendado para o período entre os dias 15 e 18 de julho, em Montemor-o-Velho, o Campeonato do Mundo de Velocidade de Juniores e Sub-23 foi adiado, pela Federação Internacional de Canoagem (ICF), para 3, 4, 5 e 6 de setembro.

Com aquele fim de semana de julho “vazio”, a Federação Portuguesa de Canoagem marcou o Nacional de Regatas em Linha (seniores, juniores e veteranos) para os dias 17 e 18 de julho, no CAR de Montemor-o-Velho, local que também vai acolher, a 24 e 25 de julho, o Nacional de Regatas em Linha (cadetes, infantis e iniciados).

Ponte de Lima é o local escolhido para receber, a 27 de junho, o Campeonato Nacional de Esperanças, enquanto Melres vai acolher, nos dias 25 e 26 de setembro, a Taça de Portugal de Tripulações de Fundo.

No que diz respeito ao Kayak-Polo, Setúbal vai receber a primeira fase do Campeonato Nacional nos dias 29 e 30 de maio, com a segunda fase a decorrer em Coimbra, entre 10 e 11 de julho. Oeiras vai acolher, no mês de outubro, em dia ainda a definir, a Taça de Portugal de Kayak-Polo.

A primeira etapa do Campeonato Nacional de Canoagem de Mar está marcada para Vila Nova de Milfontes, no dia 29 de maio, com o calendário competitivo desta especialidade a incluir, a 3 de outubro, a segunda prova entre Sesimbra e Setúbal.

No Slalom, nos dias 6 e 7 de novembro, Amarante é o local eleito para acolher a Taça de Portugal, seguindo-se, a 11 e 12 de dezembro, em Vizela, o Campeonato Nacional. No dia 1 de agosto, Vila Nova da Barquinha vai receber o Campeonato Nacional de Esperanças de Slalom e as Primeiras Pagaiadas de Slalom. Destaque, ainda, para a realização da Final Nacional das Primeiras Pagaiadas, em Gemeses, nos dias 11 e 12 de setembro.