Fernando Pimenta conquistou a medalha de bronze na prova de K1 5.000 metros no Campeonato da Europa de Velocidade e Paracanoagem, em Poznan, na Polónia. Depois da medalha de prata em K1 1.000 metros, distância na qual competirá nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, o canoísta da Seleção Nacional terminou os cinco quilómetros, com o tempo de 20.45.277 minutos, a 872 milésimos de segundo do húngaro Balint Noe, que bateu o bielorrusso Aleh Yurenia por 532.

A prova ficou marcada por um erro dos juízes que não assinalaram a entrada para a última volta. Por isso, na passagem pela meta, os canoístas procuravam ganhar posição para a zona da frente e interior da rodagem, não sprintando para o fim como deveriam ter feito caso tivessem sabido que era a derradeira volta ao percurso. Um trio do quinteto continuou em prova, sendo seguidos por todos os restantes, porém o sprint final e o cansaço extra, entre Pimenta e outro rival, acabaria por não contar.

Com as duas medalhas conquistadas em Poznan, Fernando Pimenta já contabiliza 104 medalhas em competições internacionais, com a proeza a tornar-se ainda maior pelo facto de chegar a Tóquio 2020 sem falhar um único pódio no atual ciclo olímpico, alargado a cinco anos devido à pandemia de Covid-19.

No último dia do Campeonato da Europa de Velocidade e Paracanoagem, Portugal também foi representado pela dupla João Ribeiro/Messias Baptista, que terminou a final de K2 500 metros na 7.ª posição. Esta tripulação foi reajustada no Europeu, devido à crise renal de Emanuel Silva, que obrigou mesmo o olímpico a uma pequena intervenção cirúrgica. Na prova de K2 500 metros, João Ribeiro e Messias Baptista concluíram com o tempo de 1.32.048 minutos. A dupla Uladzizlau Litvinau/Dzmitry Natynchyk, da Bielorrússia, sagrou-se campeã da Europa.

Também David Varela competiu no último dia de competição do Campeonato da Europa. Há muito tempo sem treinar os 200 metros, o atleta da Seleção Nacional acabou em 17.º da classificação geral, depois de terminar a final B, ganha pelo georgiano Badri Kavelashvili, no 8.º lugar, com o registo de 37.229 segundos. O húngaro Sandor Totka sagrou-se campeão europeu de K1 200 metros.