Organizado pela Federação Internacional de Canoagem (ICF), o Campeonato do Mundo de Stand Up Paddling decorre entre quinta-feira e domingo (9 e 12 de setembro), em Balatonfured, na Hungria. A Equipa de Portugal é constituída por seis atletas e pelo Técnico Nacional, José Cirilo.

O sénior Rui Ramos vai competir na prova de longa distância (18,5 quilómetros) e nas eliminatórias da corrida técnica (percurso de 1.000 metros, com rondagem de bóias). Também Anabela Prioste, atleta sénior, vai entrar em ação na longa distância e nas eliminatórias da corrida técnica.

Ainda no escalão sénior, Hélder Silva vai competir na prova de sprint, que se disputa ao longo de 200 metros, enquanto Carlos Barros também vai participar nas eliminatórias da corrida técnica.

Quanto ao escalão júnior, Maria Silva vai enfrentar as eliminatórias da prova de sprint, também disputada ao longo de 200 metros, e na longa distância, com um percurso de 10 quilómetros. Duas provas em que o também júnior Guilherme Faria vai competir.

“Estão cerca de 500 atletas de todo o Mundo. Na Hungria, estão os tops mundiais todos”, revelou José Cirilo, com o Técnico Nacional a expressar que “as expectativas [da Equipa de Portugal] passam por alcançar uma ou duas finais”.

“Vamos tentar, mas sabemos que é difícil”, prosseguiu, antes mesmo de referir que “seria bom ter, na longa distância, um atleta entre os 15 primeiros”. “Para o nível que aqui está, seria muito bom”, reforçou José Cirilo.

De lembrar que a seletiva para o sprint foi realizada no dia 18 de julho, no Centro de Alto Rendimento de Montemor-o-Velho, com a seletiva de longa distância a ser disputada em Montalegre, no dia 21 de agosto.