Norberto Mourão conquistou, esta sexta-feira, na Dinamarca, a medalha de bronze no Campeonato do Mundo de Velocidade de Canoagem e Paracanoagem. O paracanoísta português garantiu a 3.ª posição na prova de VL2 200 metros, depois de discutir a liderança até aos 150 metros, acabando por ceder na parte final. Sob chuva contínua, Mourão fez a prova em 56.54 segundos, terminando a 2.60 segundos do vencedor, o brasileiro Fernando Paulo, que bateu o espanhol Higinio Rivero, 2.º classificado, por 2.28 segundos.

Mais uma conquista de Norberto Mourão, depois de, nos recentes Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020, ter sido medalha de bronze. De referir que, em Copenhaga, o paracanoísta da Seleção Nacional defendia o título de vice-campeão do Mundo conquistado em 2019, uma vez que, em 2020, a pandemia de Covid-19 não permitiu provas de canoagem. Em 2021, Mourão sagrou-se, em Junho, na Polónia, campeão da Europa.

“Esta medalha é um enorme orgulho, é o finalizar de uma época em grande, em que conseguimos conquistar medalhas em todas as provas internacionais. Digo conseguimos, porque é o trabalho de toda uma equipa. Temos estado todos sempre muito empenhados. Acabei completamente no limite e não havia mais nada para dar. O 3.º lugar é uma enorme alegria. Agora que venha o descanso, para depois, com calma, começarmos a pensar em Paris”, afirmou Norberto Mourão.