A vila de Covas em Vila Nova de Cerveira recebeu no passado fim de semana mais uma edição da Taça Ibérica de Slalom, depois de uma pausa alargada devido ao COVID-19.
Foi debaixo de temperaturas muito baixas que 11 clubes Portugueses e Espanhóis competiram nas diferentes categorias que compuseram esta competição, dividida entre eliinatórias, semifinais e finais.
Destaque para José Carvalho(ADA) que venceu a categoria de C1 Sénior com 91.64 segundos, menos 1.69 do que o espanhol Brais Pereira dos Teixugos. Na terceira posição terminou Frederico Alvarenga(Aventura) a 5.88 de José Carvalho.

Ainda no escalão Sénior, Lucas Jacob(DKC) foi segundo classificado com o tempo de 83.51, mais 2.96 do que o vencedor em K1 Alex Blanco(TEA). Sara Bastos(ADA) foi ainda segunda classificada em K1 Sénior Feminino com o tempo de 134.56 com mais 9.50 segundos que a vencedora, Laura Alonso dos Teixugos.

Em Júnior, destaque para Alexis Esperança(DKC) que venceu em K1  com o tempo de 98.28 a mais de 6 segundos do segundo classificado,António Valerio do ABC. Maria Azevedo(Aventura) foi segunda classificada em K1 com o tempo de 125.01 a 6,82 segundos da vencedora,Ainhoa Barreiro(Teixugos).

Nos infantis, Simão César(Aventura) foi o vencedor em K1 com o tempo de 114.65 a mais de 12 segundos do segundo classificado Martin Prats(Quixos).

Por equipas, o Aventura Marão Clube foi o melhor clube Português alcancando a 5º posição com 102 pontos. A taça Ibérica de Slalom 2022 foi vencida pelo clube organizador, os Teixugos com um total de 214 pontos.

Os resultados da competição podem ser consultados em fpcanoagem.pt na área competições|Calendário.