A direção da Federação Portuguesa de Canoagem apresentou na passada sexta-feira, o plano de atividades e orçamento 2023, numa Assembleia geral bastante participada, num formato híbrido, com delegados online e presencialmente no Centro Engenheiro Edgar Cardoso.

Vitor Félix presidente da direção apresentou o documento e principais objetivos para a próxima época, que passam pelo apuramento Olímpico da 8 a 10 embarcações e ainda a realização de toda a prática regular, aumento de filiados e foco na estabilidade financeira da FPC, depois de um ano de 2022 muito exigente. Foi ainda referida a intenção de finalizar a torre de Montemor-o-Velho e a realização do Campeonato da Europa de Juniores e Sub23 em 2023.

A Assembleia geral ficou ainda marcada pela intervenção de alguns delegados, no âmbito do apoio financeiro a clubes, com o pedido de mais verbas para apoio direto por parte da FPC aos seus associados. Vitor Félix e Ricardo Machado apresentaram as justificações a todas as respostas colocadas pelos delegados presentes.